Opinião

Colusão informática

13 mai 2019 00:00

Estes serviços recolhem milhões de pontos de dados e “aprendem” quais as melhores sugestões de acordo com o perfil dos utilizadores.

O impacto da inteligência artificial na vida e nos negócios tem crescido de forma silenciosa, mas imparável.

Sabemos que, por alguma razão, o Netflix (ou outro serviço de streaming) sugere um conjunto de filmes, o Google um conjunto de sites, o Youtube um conjunto de vídeos, o Itunes/Spotifiy sugerem um conjunto de músicas e, finalmente, o Facebook e o Instagram sugerem notícias, amigos e páginas, de acordo com o seu perfil.

Estes serviços recolhem milhões de pontos de dados e “aprendem” quais as melhores sugestões de acordo com o perfil dos utilizadores. Estes serão alguns dos exemplos de “inteligência artificial” mais visíveis no nosso dia a dia, mas é nas empresas que assistimos a uma revolução silenciosa.

Alguns exemplos disso serão: o software industrial que recolhe milhões de pontos de dados sobre peças (seja de automóveis ou de máquinas) e previne a necessidade de manutenção (por oposição à que é feita temporalmente), avisando o condutor/operador da necessidade de serviço (a Tesla já leva este conceito mais longe, com o próprio software a encomendar as peças com desgaste) – a chamada manutenção preditiva; o software que decide campanhas de marketing e até preços a praticar de acordo com cada utilizador (a prática, muitas vezes ilegal, de preços discriminatórios, mas bem presente em sites de viagens e hotéis); o software que deteta e antecipa fraudes; o software que faz contabilidade, toma decisões de arbitragem financeira e toma/sugere decisões estratégicas; as sugestões dadas pelos sites de comércio eletrónico e até coupons de descontos de grandes distribuidores, que permitem a marketeers melhorar

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Se efectivar a sua assinatura durante o mês de Maio, 10€ reverterão para o combate à fome na nossa região.