Sociedade

GNR identifica origem de descarga ilegal de efluentes na Caranguejeira

20 jan 2020 12:36

A descarga foi feita para a Ribeira do Sirol.

gnr-identifica-origem-de-descarga-ilegal-de-efluentes-na-caranguejeira
Militares detectaram uma descarga para a ribeira do Sirol
GNR

A GNR de Leiria identificou a origem de uma alegada descarga ilegal de efluentes pecuários na freguesia da Caranguejeira.

Numa nota de imprensa divulgada hoje, a GNR informa que o Comando Territorial de Leiria, através do Núcleo de Protecção do Ambiente de Leiria, no dia 17 de Janeiro, identificou uma exploração agropecuária, por descarga ilegal de efluentes pecuários, no concelho de Leiria.

Segundo a GNR, no decorrer de uma acção de monitorização da Bacia Hidrográfica do Rio Lis, os militares “detectaram uma descarga de efluentes suinícolas para uma linha de água, sem qualquer tratamento sanitário, efectuada directamente para um afluente daquele rio, susceptível de configurar um crime de poluição”.

Fonte da GNR revela que após realizadas diligências necessárias, os militares identificaram o ponto de origem da descarga, sendo a mesma proveniente de uma exploração agropecuária na freguesia de Caranguejeira, concelho de Leiria.

Esta descarga “foi feita para a Ribeira do Sirol, um dos efluentes do rio Lis”, acrescentou a mesma fonte.

Os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Leiria.

EVENTOS