Sociedade

Investigadora de Alcobaça trabalha dados de satélite de missão espacial

27 jun 2020 13:00

Diana Saturnino estuda campo magnético da Terra em Nantes, França.

investigadora-de-alcobaca-trabalha-dados-de-satelite-de-missao-espacial
Maria Anabela Silva

O desejo de “conhecer melhor o mundo” fez com que, desde cedo, Diana Saturnino quisesse ser cientista. Natural de Alcobaça, licenciou-se em meteorologia, oceanografia e geofísica, mas acabou por enveredar pelo geomagnetismo, a área da ciência que se dedica ao estudo do campo magnético da Terra. É, desde 2018, investigadora no Laboratório de Planetologia e Geodinâmica (LPG) da Universidade de Nantes, em França, onde trabalha dados de satélite recolhidos pela missão Swarm da Agência Espacial Europeia (ESA).

Diana Saturnino explica que esta é uma missão “destinada ao estudo do campo magnético terrestre”, sendo composta por três satélites que fazem medidas “em simultâneo, entre 400 a 500 quilómetros de altitude”. O trabalho da investigadora consiste na “recolha, tratamento e análise” dessas medidas, utilizadas para “construir modelos matemáticos que explicam a evolução do campo magnético”, ajudando “a perceber como ele se gera no interior da Terra, como tem evoluído e como poderá evoluir no futuro”, mas também contribuindo para “conferir e/ou testar a veracidade cientifica dos modelos/teorias” da geofísica sobre esta matéria.

Segundo a investigadora, esses modelos matemáticos, concebidos a partir dos dados recolhidos pelos satélites da missão Swarm, são usados não só “por grupos de investigação que, por qualquer motivo precisam de conhecer as característica do campo num certo local (no espaço e no tempo)”, mas também para a navegação em navios e aviões.

Natural de Vimeiro, concelho de Alcobaça, Diana Saturnino conta que na adolesc&e

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Se efectivar a sua assinatura durante o mês de Maio, 10€ reverterão para o combate à fome na nossa região.