Economia

Investimentos de milhões de euros para abrir novos postos de combustível

17 out 2019 00:00

A região tem assistido à instalação de novos postos de combustível nos últimos meses e há mais para abrir. Em alguns casos, o investimento é superior a meio milhão de euros

investimentos-de-milhoes-de-euros-para-abrir-novos-postos-de-combustivel-10780
Raquel de Sousa Silva

Tem mais de 20 postos de combustível espalhados pela região, os últimos dos quais abertos no Barracão, em Maio, e em breve terá mais um a funcionar, desta vez na Azóia, Leiria. A BP é uma das marcas que estão a apostar na abertura de novos espaços, estratégia que outras bandeiras estão igualmente a seguir.

Há 25 anos no negócio dos combustíveis, Luís Pinto aceitou o desafio de abrir em Leiria um posto desta marca em regime de franchising. O local eleito foi a Azóia, a poucos metros do IC2 e junto à estrada da Maceira. Vias “com muito tráfego”, cenário que leva o empresário a acreditar no sucesso do projecto, um investimento na ordem dos 900 mil euros.

“Um projecto ambicioso nos dias de hoje”, reconhece Luís Pinto, que ainda assim admite que o negócio dos combustíveis continua dinâmico, porque “há muitas viaturas a circular”, embora quando se iniciou nesta área “se ganhasse mais dinheiro”.

Dinamismo confirmado pelos números divulgados pela Entidade Nacional para o Sector Energético. No último relatório mensal, publicado em Setembro, a ENSE revela que entre Janeiro e Agosto deste ano o consumo acumulado de gasóleo aumentou 0,97% face ao período homólogo de 2018, tendo o consumo de gasolina aumentado 2,6%.

O posto BP da Azóia, a abrir entre o final deste mês e o início de Novembro, e que vai funcionar 24 sobre 24 horas, acaba por vir “colmatar uma lacuna” nesta zona do concelho, depois do fecho da infra-estrutura que a marca tinha junto ao IC2, aquando das obras de alargamento desta via.

Também a Prio está a expandir-se no distrito. Depois de em Maio ter aberto um posto em Caldas da Rainha, a marca passou a estar disponível este mês na Marinha Grande, num posto situado na zona de Pedreanes, que além da venda de combustíveis tem loja de conveniência. O investimento rondou os 100 mil euros e criou quatro empregos.

Sandra Alves Martins, sócia da empresa que vai explorar o posto, explica que este é o único com a bandeira Prio na Marinha e que resolveram avançar com o projecto porque o espaço onde funciona já era da sociedade, embora estivesse arrendado a terceiros.

Reconhece que o negócio tem sofrido muitas alterações, mas a eventual adopção massiva dos consumidores pelos carros eléctricos não foi um receio que os impedisse de avançar. “O mercado dos combustíveis não vai poder acabar de um dia para o outro. Haverá necessidade destes produtos”.

Em breve, a Prio prepara-se para abrir um novo posto em Leiria, no centro comercial em construção na zona de Porto Moniz. Luís Martins, administrador da empresa, diz que nos últimos meses se tem trabalhado para “poder abrir o mais rápido possível” e que está a contar que o mesmo esteja pronto até ao final do ano.

“Fomos convidados para participar no projecto, em Leiria, juntamente com outras marcas de referência, e não hesitámos um segundo, pois não queríamos perder esta oportunidade”. O investimento é de 600 mil euros, e poderá não ser o único desta marca nacional na cidade do Lis.

“A Prio tem um forte compromisso com um futuro mais ecológico e económico, por isso a mobilidade sustentável tem ocupado grande parte da nossa atenção e é, hoje, uma obsessão nossa. Em breve, pretendemos também desenvolver mais iniciativas na área da mobilidade eléctrica em Leiria”, disse o administrador ao JORNAL DE LEIRIA.

Ainda segundo o relatório da ENSE, no mês de Agosto deste ano o consumo de gasolina foi de 111.186 toneladas, mais 4% do que no mesmo mês do ano passado.

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO