Sociedade

Novos sinais de trânsito entram em vigor esta segunda-feira, dia 20 de Abril

19 abr 2020 18:00

Há novos sinais de trânsito e de informação. Conheça algumas das alterações ao novo Regulamento de Sinalização do Trânsito.

novos-sinais-de-transito-entram-em-vigor-esta-segunda-feira-dia-20-de-abril
Esta é revisão mais significativa ao Regulamento de Sinalização do Trânsito, aprovado em 1998.
ANSR

 

É já esta segunda-feira, dia 20 de Abril, que entram em vigor novos sinais de trânsito e de informação nas estradas portuguesas.

Uma das novidades é a sinalização que a indicar zonas de circulação de veículos com emissões reduzidas ou de via reservada a veículos com “alta taxa de ocupação”.

Haverá também novos sinais a indicar perigo (atravessamento por lince-ibérico ou anfíbios e aproximação de uma passagem para velocípede), novos sinais de informação e símbolos de indicação turística, geográfica, ecológica e cultural, bem como a representação gráfica dos sinais dos condutores, dos agentes reguladores do trânsito e dos sinais luminosos.

O novo regulamento cria também sinais de trânsito a indicar zonas de residência ou de coexistência de viaturas e peões, onde a velocidade é de 30 quilómetros por hora.

A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) refere que esta “primeira grande revisão ao Regulamento de Sinalização do Trânsito (RST)”, aprovado em 1998, “visa o aperfeiçoamento e a actualização da sinalização rodoviária em conformidade com o Código da Estrada e em alinhamento com os objectivos do Plano Estratégico Nacional de Segurança Rodoviária — PENSE 2020”.

Em comunicado, aquele organismo destaca um das novidades desta revisão: a introdução do “sinal H46 - Zona residencial ou de coexistência - que indica a entrada numa zona de coexistência, concebida para utilização partilhada por peões e veículos, onde vigoram regras especiais de trânsito estabelecidas no Código da Estrada”.

A implementação destas zonas, “de uma forma tecnicamente suportada, contribui para a melhoria da segurança rodoviária dentro das localidades, nomeadamente dos utilizadores vulneráveis”, alega a ARSR.

 

Alguns dos novos sinais:

Passagem para velocípedes: indicação da aproximação de uma passagem para velocípedes;

Anfíbios: indicação de que a via pode ser atravessada por anfíbios;

Via reservada a veículos com alta taxa de ocupação: indicação de que a via de trânsito está reservada apenas à circulação de veículos que transportem duas ou mais pessoas incluindo o condutor

Zona 30 km/h: indicação de entrada numa zona 30 km/h em que são aplicados dispositivos de acalmia de tráfego de modo a limitar a velocidade máxima de circulação a 30 km/h

Passagem para velocípedes: indicação da localização de uma passagem para velocípedes

Zona residencial ou de coexistência: indicação de entrada numa zona de coexistência

 

Fonte: www.ansr.pt

 

#SEMFOMENAREGIÃO

Junte-se a uma grande causa

Ao assinar o Jornal de Leiria durante o mês de Maio, está a contribuir com 10€ para o combate à fome na nossa região.

Uma iniciativa com o apoio Makro

Saiba mais aqui.