Opinião

Liberdade incondicional

3 mai 2019 00:00

Somos também o contexto, e precisamos desse envolvente para podermos criar da melhor forma.

Carta branca para criar é o que qualquer profissional das áreas da criação quer. Significa muitas vezes não ter constrangimentos nem grilhões que condicionem o desenvolvimento de propostas.

Este é um ideal de liberdade criativa que muitos colegas ambicionam, mas que muitas vezes não provoca sequer os melhores resultados. Somos também o contexto, e precisamos desse envolvente para podermos criar da melhor forma.

Isto é, aquilo que povoa o nosso ambiente faz tanto parte do que fazemos como aquilo que almejamos, pelo que a liberdade incondicional não existe. Há uns anos, numa entrevista de emprego, perguntaram-me como é que definiria a criatividade, no geral.

Era uma espécie de um teste, onde a minha ingenuidade de recém licenciado veio ao de cima. Dei como exemplo uma metáfora que já tinha pensado antes, envolvendo a prisão e o deserto.

Na prisão tentamos criativamente arranjar soluções para sair dali e fugir aos constrangimentos existentes, para retornar à liberdade.

Enganar os guardas, serrar as grades ou escavar um túnel são tudo estratégias empregues para ludibriar o contexto onde se e

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO