Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Greta, apresento-te o Ricardo

Poderia escrever sobre a Greta. Mas seria como falar do tempo: constatar o óbvio (olha, e tá a chover outra vez) e depois dar opiniões sobre o óbvio (é uma chatice que chova; mas faz falta).

12 dez 2019

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Se aparece no jornal…

«Isso é normal, os escritores estão sempre com dúvidas; o teu papel como amigo é incentivar.» «E eu incentivo. Mas já andas nisto há quanto tempo? Quatro anos ou assim?» «Quase oito», respondo eu. «Então, começa a reciclar as antigas.»

7 nov 2019

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Falta aqui qualquer coisa

Depois surge uma sequestradora. Transforma todos os presentes em reféns e exige falar com deus. É-lhe explicado que se quer falar com deus, basta rezar.

3 out 2019

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

O mito da criação

E assim fez: imaginou umas criaturas simples mas belas que se ergueriam do solo em direcção às nuvens e se agitariam suavemente ao ritmo do vento.

29 ago 2019

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Espairecer

Após um silêncio, acrescenta: «Também tenho saudades de ver o mar. Há mais de vinte anos que não o vejo. Mas não posso ir de bicicleta.» E ri.

25 jul 2019

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Homem Invisível

Ergue-se com esforço, regressa ao passeio; atravessa a ponte e faz o mesmo percurso de antes mas pela margem oposta.

21 jun 2019

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

A casa

E era como se o livro se apoderasse dela, controlando-a.

16 mai 2019

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Splash

Houve um dia em que lhe falaram da piscina oceânica. E o seu ondear agitou-se.

11 abr 2019

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Contágio

Comove-me sempre a generosidade de quem se desvia do seu caminho habitual, de quem integra os outros no seu percurso, de quem aceita cumplicidades e partilhas.

7 mar 2019

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Roménia

Sabes aquilo que dizem das árvores, que morrem de pé? Se calhar é parecido com os comboios, devem morrer inteiros e sobre os carris; de pé.

31 jan 2019

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Loucura

Sempre gostei de observar pessoas, sempre gostei de lhes escutar as conversas e, através das suas vozes, conhecerlhes os pensamentos e os sentimentos

22 nov 2018

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Plof

Pois, nunca pensaste; é uma coisa em que ninguém pensa. Porque a possibilidade de perder um braço é algo que jamais nos passa pela cabeça.

18 out 2018

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Um olhar

Por vezes, basta um olhar para viajar no tempo.

9 ago 2018

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Vuuuuum, vuuuuum

“Gostava da tua mãe, às vezes ainda penso nela. Bons tempos, esses. Mas depois fui para a França e pronto. Tudo mudou.” Calou-se.

31 mai 2018

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Olá

Por vezes, escreve-se ou corre-se a maratona pela mais simples e pura das razões: porque sim.

26 abr 2018