Margarida Varela

Margarida Varela

Assédio

Assim, não podem restar quaisquer dúvidas sobre a posição das 100 mulheres sobre o assédio sexual … Só que levantam algumas questões que, na minha opinião, são pertinentes. Desde logo o facto de as denúncias serem feitas através dos media.

18 jan 2018

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Iupiiiiii

Mas certamente por distracção ou descuido, terá havido um momento em que o teu olhar recaiu no parque dos baloiços e, quando deste por ti, todos os dias espreitavas aquele canto abandonado do cenário.

13 jan 2018

Graça Sampaio, professora

Graça Sampaio, professora

Camilo Pessanha, o grande simbolista

Em Macau, foi professor de liceu e magistrado e foi por lá que escreveu a sua talentosa, se bem que reduzida, obra.

4 jan 2018

Clara Leão, professora de dança

Clara Leão, professora de dança

Há um Ano Novo!

O Ano Novo é uma altura tão boa como qualquer outra no que diz respeito a tomadas de decisão, mas é um facto que um começo à escala planetária fornece um incentivo acrescido que ajudará a levar por diante algum outro começo no universo de cada um.

4 jan 2018

Henrique Neto

Henrique Neto

Que futuro para Portugal?

O saudoso Henrique Medina Carreira ensinou-nos a olhar para as séries longas da economia e aconselhou-nos a não nos deixarmos enganar com as notícias e os dados de curto prazo.

4 jan 2018

João Nazário

João Nazário

Quem vai à frente...

Sem que a esmagadora maioria da população tenha noção disso, somos muito provavelmente dos países mais ricos da Europa, sendo que vamos vivendo como se o nosso território terminasse onde o mar começa.

4 jan 2018

António Frazão

António Frazão

Não foi 2018 que chegou, fomos nós que chegámos a 2018

O relato duma situação por pessoas diferentes, ou a simples resposta a uma pergunta factual, tem como resultado dados muito diversos e contraditórios.

4 jan 2018

Carlos Matos, presidente da Fade in

Carlos Matos, presidente da Fade in

Concerto de uma vida!

Desta vez, foi a própria banda que quis regressar a Leiria, agora para apresentar Also Sprach Zarathusta, um espectáculo com a “primeira parte” baseada no seu recente disco, mais experimental e sensorial.

14 dez 2017

Manuel Gomes, economista

Manuel Gomes, economista

Gostava de oferecer bitcoins no Natal… mas nesta época do ano não vale tramar o próximo

Utilizam-se, sobretudo, como investimento, o que a torna um activo altamente perigoso porque não é acompanhada por nenhum regulador nem existem, sequer, regulamentos, a não ser os que foram criados pelos seus criadores.

14 dez 2017

Francisco Freire, investigador

Francisco Freire, investigador

Teorias Rurais

Esta gente endinheirada, que fala estranhas línguas, geralmente saxónicas, poderá ser o bálsamo e o motor da nova política da terra queimada que nos aguarda.

14 dez 2017

Amélia do Vale

Amélia do Vale

As ruas do meu Natal

Ah, miserável Pai Natal! Por causa de ti a paz, sinónimo do estabelecimento de relações afetivas, assertivas e empáticas entre as pessoas, os animais e a Natureza, já não se constrói, já não dá trabalho, compra-se!

14 dez 2017

Fernando Gonçalves, INTERVIR JÁ – Movimento Cívico

Fernando Gonçalves, INTERVIR JÁ – Movimento Cívico

Municipalização da Educação e da Segurança Social

O Município não tem, nem pode ter, jurisdição sobre a justiça penal.

14 dez 2017

Margarida Varela

Margarida Varela

Continuando com Trump…

Jerusalém é considerada por judeus, cristão e muçulmanos como a “cidade santa”.

14 dez 2017

João Nazário

João Nazário

Petróleo não mata a sede

É verdade que há malucos para tudo, mas felizmente que a maioria prefere ter água limpa para matar a sede do que a língua colada com crude ao céu da boca, mesmo que com os bolsos cheios de dinheiro.

14 dez 2017

Sérgio Felizardo, Editor-in-Chief Vice Portugal

Sérgio Felizardo, Editor-in-Chief Vice Portugal

Até já, Natal!

É capaz de ser a única coisa na vida que me deixa nostálgico e ansioso. Nos dias antes de me fazer à estrada quero sempre que ao chegar possa sentir esse conforto único do Natal em Leiria.

8 dez 2017

Micael Sousa, investigador e formador de Serious Games e Gamificação

Micael Sousa, investigador e formador de Serious Games e Gamificação

O património como identidade na globalização

O nosso mundo tem-se liberalizado progressivamente, as comunicações e informação transitam tãofacilmente como capitais, bens e pessoas.

8 dez 2017

Amélia Correia, professora

Amélia Correia, professora

Indecente bullying docente

Se o filho diz cobras e lagartos do professor, então é porque há mesmo lagartos e cobras a dizer; come-o a diretora da escola, que não duvida de nenhum dos outros.

8 dez 2017

J. Amado da Silva

J. Amado da Silva

Política ou politiquice?

Kissinger defende que o Pacto foi assinado com segundas intenções e que logo começaram os subscritores, começando pela França, passando pela Inglaterra e culminando nos Estados Unidos, a adulterá-lo.

8 dez 2017

Doença celíaca

O diagnóstico baseia-se na combinação de uma análise de sangue específica e biópsias do duodeno.

8 dez 2017

Paulo Kellerman, escritor

Paulo Kellerman, escritor

Asas

Ele vivia numa aldeia, ela noutra; pelo meio, muitos quilómetros de distância. Isso não o preocupava, sempre ouvira dizer que o amor é cego (mentira) e que dá asas (talvez), o que é bom para quem tem de andar a pé.

8 dez 2017